• Ana Paula Ostapenko

10 Projetos de audiovisual financiados pela Lei Aldir Blanc: cultura e qualidade que MS tem

A Lei Aldir Blanc possibilitou que artistas fizesse projetos audiovisuais e garantissem alguma segurança financeira em tempos pandêmicos, o estado e município abriram editais onde artistas realizaram projetos audiovisuais de extrema qualidade, que levam a cultura de MS a um novo patamar.

Foram 809 artistas premiados nos editais emergenciais da Lei Aldir Blanc (Lei Federal n. º 14.017/2020), inciso III, e nós queremos indicar aqui 10 trabalhos dos nossos artistas, se você não está na lista e quer mostrar seu trabalho aqui no rolê, mande seu link nos comentários ou nas nossas redes.


1 - Projeto Kzulo: Em casa

Um show intimista de transformação. Diretamente desde el Portuñhol Campo Grandense (MS). O Kzulo está se (re)construindo.


2 - O Que Digo Com Suas Palavras, com André Tristão.

O que te impulsiona? O que te motiva? O que te constrói? Cada um de nós é desenvolvido de formas diferentes. Lugares construidos, finitos e infinitos. Cheios de vida e morte.

O Que Digo Com Suas Palavras é um trabalho feito a partir do jogo entre linguagens. Poesia, Dança, Teatro e Audiovisual confluem em uma interação imagética! É o experimento de um corpo em lugares que surgiram em sua imaginação ao ouvir sua voz dizendo as palavras de outra pessoa. Os textos dos vídeos são compilados de trechos de poemas das artistas Leticia Naveira e Raquel Naveira.


3 - Rosa e Margarida

O espetáculo "Rosa e Margarida" reúne música, contação de histórias e brincadeiras populares do pantanal sulmatogrossense. O texto é de Conceição Leite que também atua na peça, juntamente com Mart Cel, acompanhadas pela voz e violão de Simone Ávila. A história é o diálogo entre duas mulheres, Rosa e Margarida que são vizinhas e moram na região do pantanal do MS. Elas estão com saudades dos filhos que moram na capital e começam a relembrar os tempos em que eram crianças e brincavam juntos. Assim, através do diálogo entre as duas vizinhas, a peça vai apresentando as brincadeiras, as lendas, os mitos, as músicas, as comidas que fazem parte da cultura pantaneira. O espetáculo é permeado de canções e poesias que encantam crianças e adultos. Além disso, intercala cenas com a participação de bonecos confeccionados por Wilson Motta.


4 - Madeira e Arte na Cidade das Águas - Gustavo Gaertner

A inspiração nem sempre está na cabeça do artista. E por mais que ele a busque com afinco, ela geralmente irrompe naqueles momentos de descuido.


5 - Mano Xis - Minha Dalva Querida

Mano Xis com mais de 30 anos de trajetória no Rap e nas causas sociais vem falar da sua comunidade e do seu estilo de vida. Traz para o universo da música urbana o rapper que trabalha o dia inteiro na construção civil e luta para manter sua família e a chama viva da cultura de rua. Morador do bairro Dalva de Oliveira (grande região do Tiradentes), Mano Xis emplaca seu primeiro clip em carreira solo, onde reafirma o sorriso do menino que se esquiva do perigo na sua região, que também dá nome a música “Minha Dalva Querida”. Este lançamento vem para marcar a nova fase e continuidade do seu trabalho, neste ciclo de profissionalismo e músicas inéditas juntando a nova e a velha escola do rap e dialogando com as novas gerações."


6 - O Grande Salto

"O grande salto" de João Rocha, traz para o picadeiro um trabalho que mescla a arte do palhaço com a técnica de trampolim acrobático de uma forma irreverente, juntando a inovação com a tradição dos circos. Entre o riso e a tensão, "O Grande Salto" faz o público delirar de alegria.


7 - Pássaro de Bolso

Uns sonhos de liberdade, uns sonhos de prisão. A partir de um sonho em que conversava com seus pássaros internos, a criadora do experimento audiovisual ‘Pássaro de Bolso’ (Maíra Espíndola) foi acrescentando imagens e construindo um mosaico vertiginoso de referências. Pairando entre a performance, a instalação artística e a vídeo arte, o filme trata do campo poético das dicotomias: ‘liberdade x aprisionamento’, ‘leveza x peso’. Elementos do cotidiano e elementos de mundos internos da criadora se misturam e se transformam em outra coisa: a gravidade tem nos pressionado sobre a Terra com mais força.


8 - Bruna Valente - Linhas Ancestrais

Essa música veio para Bruna Valente como uma oração a minha ancestralidade feminina. Cura, renovação e energia. Muita vitalidade para seguir em frente sem olhar para trás, não significa esquecer de onde veio mas não se frustar com o que passou.


9 - Fulano di Tal - Lugar de Ser Bocó (Mini Doc)

“Lugar de ser bocó” é um passeio lúdico pelo universo do espetáculo “A Fabulosa História do Guri-Árvore”, livremente inspirado na obra do poeta Manoel de Barros.

A equipe do espetáculo revisita o lugar de ser bocó, o quintal criado para os irmãos Abílio e Palmiro contarem a história de Bernardo.

Como uma brincadeira da infância irão compartilhar o processo criativo, suas histórias, memórias e afetos. Um passeio de lembranças e reflexões sobre o trabalho que está no repertório do Fulano di Tal desde 2019.


10 - Mosaico: Atos 1 e 2 A Revalorização da Cultura LGBT+ em Campo Grande/MS

Dirigido por Mikaela Lima Lopes e Deko Giordan, “MOSAICO” é um documentário que ressignifica a história da cultura LGBT+ de Campo Grande/MS, a partir de relatos de alguns dos agentes que protagonizaram a cena cultural, desde os anos 80 até os dias atuais.


Tem muita coisa boa no youtube, tem teatro, música, filme, tudo produzido por artistas sul-mato-grossenses, vale muito a pena ver!


65 visualizações0 comentário