• Ana Paula Ostapenko

Conheça passeios diferentes e imperdíveis em Bonito


A cidade de Bonito, eleita 16 vezes como Melhor Destino de Ecoturismo do Brasil por revista especializada, é conhecida no mundo todo por suas belezas naturais, como rios de águas cristalinas nos quais é possível fazer flutuações com centenas de peixes e observar uma natureza riquíssima bem de perto. Mas nem só de flutuações é feito um roteiro pelo município, existem passeios menos conhecidos que são igualmente incríveis e merecem fazer parte dos planos de uma próxima visita. Um desses atrativos, que é novidade em Bonito e começou as atividades no começo deste ano, é o voo de balão. Realizado em temporadas, a mais recente começa essa semana e vai até o dia 21.

Os passeios saem sempre no nascer ou no pôr do sol e com no máximo seis pessoas por vez. “A ideia de voar de balão em Bonito surgiu em 2019, quando a gente foi fazer uma viagem de turismo e vimos o potencial que a cidade tem, tanto turístico quanto de clima e topografia adequados para o balonismo. O balão não voa em uma direção determinada, ele voa na direção do vento, a gente decola na praça, vê toda a cidade, o entorno, a Serra da Bodoquena ao fundo e todo o platô em que está inserido Bonito, que é muito lindo”, explica Macleitiane Ecker, piloto e sócio-proprietário da Bonito Balão.

Maurício e Isabela, que são de Dourados, realizaram o passeio recentemente – com direito até a pedido de casamento nas alturas. “Somos de Dourados e, com a pandemia, queríamos ir para um lugar próximo, por isso escolhemos Bonito e aproveitamos para fazer o passeio. A gente não tinha nem ideia de como seria voar de balão, mas superou todas as expectativas, a visão é maravilhosa, você consegue ver a cidade de cima, os rios, e também é muito tranquilo, não dá medo”, conta Maurício. “Voar de balão é uma das grandes experiências que a pessoa pode ter na vida, é sem igual, você literalmente está flutuando em total conexão com a natureza, e ao mesmo tempo não é radical, é muito tranquilo, sereno e contemplativo”, garante o piloto.

Outro atrativo muito interessante é o Bio Park, um abrigo que cuida de animais silvestres que não podem retornar à natureza, onde é possível ver tamanduás, onças, lobos-guará, macacos, aves, dentre outros. “Além de conhecer a nossa fauna, seu hábitos e particularidades, nossa missão é a educação ambiental, tratando de temas como tráfico e manutenção ilegal de animais silvestres, atropelamento de animais nas estradas, reflorestamento, sustentabilidade, firmando a importância de respeitarmos a natureza. Trabalhamos também com bem-estar animal, saúde, conservação das espécies, por isso visitando o Bio Park você abraça nossa causa e ajuda na manutenção dos nossos animais”, explica Ada Ivone Santos, proprietária e gerente administrativa.

Para os mais corajosos, outro atrativo com foco na preservação ambiental é o Projeto Jiboia, que tem como objetivo desmistificar as serpentes não peçonhentas e seu comportamento. Depois de conhecer mais sobre essas espécies e tirar dúvidas, os visitantes podem ter contato direto com as cobras, e os mais corajosos chegam a colocá-las nos ombros para tirar fotos, tudo sob supervisão do responsável pelo local. “O Projeto Jiboia tem vários anos aqui em Bonito e leva muita informação sobre esses animais. Se você tem medo de cobra pode esquecer, você vai sair de lá encantado por elas”, comenta Izabel Marques, representante da agência H2O Ecoturismo.

Cercada de mistério

Reaberta há alguns anos para visitação do público depois de muito tempo fechada, a Lagoa Misteriosa é uma das cavernas mais profundas do país. Com águas cristalinas e visibilidade de mais de 40 metros, sua profundidade até hoje é desconhecida, mas as últimas expedições registraram a marca de 220 metros. O atrativo oferece passeios de flutuação e mergulho, mas só em determinadas épocas do ano por conta das condições climáticas, normalmente entre abril e setembro “Até hoje não acharam o fundo da lagoa, imagina a imensidão que é isso, uma coisa fantástica que temos aqui no nosso Estado, então vale muito a pena conhecer”, afirma Izabel.

Já para quem curte bike, a Rota Aventura tem várias trilhas e roteiros pelos quais é possível observar a natureza e até mesmo usufruir de um balneário exclusivo. Outra opção são os passeios de quadriciclo da Trilha Boiadeira, que percorrem uma antiga estrada que dava acesso às fazendas da região para as famosas comitivas pantaneiras. É um trajeto que corta a mata e garante muita emoção e “frio na barriga”. “Esses são passeios que dá para fazer de família, de casal, ou mesmo quem viaja sozinho, são todos acessíveis e diferentes”, define a representante da H2O.

Serviço: Para realizar passeios em Bonito é necessário procurar uma agência credenciada e fazer sua reserva com antecedência. A H2O fica na Rua 24 de Fevereiro, 2101 – Centro. Telefones: (67) 3255-3535 e 99258-0052.

2 visualizações0 comentário