• Ana Paula Ostapenko

Oficinas e brincadeiras: Biblioteca Estadual realiza programação de férias para criançada


Desenho artístico, “o disco de Newton” e releitura das obras de Lídia Baís: são diversas as atividades que a Biblioteca Pública Estadual “Dr. Isaias Paim”, unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, está oferecendo para as crianças durante as férias escolares. As inscrições para as Oficinas de Férias são gratuitas e estão abertas. As atividades vão acontecer nos dias 21, 22 e 23 de julho, das 13h30 às 16h30; podem participar crianças de 8 a 12 anos.

O Projeto férias na biblioteca visa atender o calendário da educação, no momento em que as crianças se encontram em férias letivas. Busca promover a interação social e cultural durante esse período, incentivando e estimulando o conhecimento e integrando as linguagens: literatura, brincadeiras lúdicas, música, arte, entre outras. As atividades realizadas visam ainda contribuir para o desenvolvimento da criatividade, concentração, percepção, observação, imaginação e principalmente a espontaneidade, com oficinas que estimulam o incentivo a leitura, imaginação com a contação de histórias e brincadeiras de resgate do popular.

Além de oferecer momentos de diversão e criação, a programação de férias atrai as crianças para o universo de livros que compõem a Biblioteca Estadual, que conta com aproximadamente 3 mil publicações destinadas ao público infanto-juvenil e outras 30 mil no acervo geral.

“No mundo de hoje as tecnologias cada vez mais ganham força, e os livros e as brincadeiras ficam cada vez mais distantes dos corpos infantis. Pensamos a biblioteca como um lugar em que devemos ter o cuidado com a interação entre as pessoas; isso se aplica à afetividade, formação de identidade, desenvolvimento da criatividade, capacidade de ouvir o outro. Além disso, com a leitura e as diversas linguagens do saber que propomos na Biblioteca, faz-se mais que necessária a leitura, para que todas as formas do saber aproximem esses corpos que estão em processo de formação, propiciando contribuir para a democratização de nossos bens culturais, bem como incentivar a escrita”, explica a coordenadora da Biblioteca, Eleuzina Crisanto de Lima.

Esse ano haverá a participação do projeto “Batucando Histórias”, que consiste em uma união de teatro, educação e música. O grupo, formado por quatro profissionais, leva ao público mensagens educativas em forma de brincadeira, cantigas, folclore e humor. A intenção é despertar as crianças para princípios e valores éticos por meio da literatura.

As apresentações do grupo mesclam histórias e músicas folclóricas com textos e melodias autorais, por meio da adaptação de enredos. Além de instrumentos musicais, o grupo mostra às crianças como a canção pode estar em todo lugar, utilizando objetos do cotidiano para musicalizar as histórias, como colheres e copos, e ainda o próprio corpo, com palmas e estalar de dedos. O grupo fará abertura das atividades todos os dias.

Na quinta-feira, dia 21, acontece a oficina “O disco de Newton”. O disco de O disco de Newton é um dispositivo que demonstra que a cor branca é composta por todas as cores do arco-íris. Foi descoberta pelo físico e matemático Isaac Newton por experimentos com prismas, e na oficina será feito com CD player, papel e lápis de cor. A oficina será ministrada pelo Porf. M.e Eiane Basílio de Lima, formado em biologia pela Universidade Católica Dom Bosco UCDB e mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional pela Universidade Uniderp Anhanguera e atua em laboratório de ciências como professor da rede pública de ensino.

Na sexta-feira, dia 22, acontece a Oficina de Desenho Artístico que será ministrada pelo Prof. Esp. Anderson dos Santos que é graduado no curso de licenciatura em Artes Visuais pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci-Uniasselvi (2016), especialista em Arte Educação e Cultura Regional pela Faculdade Novoeste (2018), mestrando Arte na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul-UFMS. Professor atuante nas redes municipais das cidades de Maracaju/MS e Campo Grande/MS.

A Oficina de desenho artístico tem como objetivo estimular a observação e a produção de desenhos, através do conhecimento das técnicas em desenho à mão livre, a partir de referencias com ilustrações de revistas, modelos, objetos e elementos da natureza, e também trabalhar a coordenação motora fina e grossa do aluno, perceber a importância do uso dos materiais, potencializar um novo olhar através da percepção, e vivenciar práticas de desenho.

Por ultimo, no sábado, acontece a Oficina de Artes Visuais com releituras de obras de Lídia Baís que tem como objetivo buscar novas interpretações das pinturas, contextualizando com as práticas das vivências das crianças, possibilitando manuseio de materiais e exercitando a criatividade. Essa oficina será ministrada pelo Prof. M.e. Caciano Lima - Bacharel e licenciado em Artes Visuais, Especialista em Arte e Educação, Mestre em Educação e Doutorando em Estudos de Linguagens, atua também como gerente de Patrimônio Histórico e Cultural da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

As inscrições para as oficinas de férias na Biblioteca Isaias Paim são gratuitas e podem ser feitas presencialmente, na Biblioteca, que fica no andar térreo do Memorial da Cultura e Cidadania (Avenida Fernando Correa da Costa, 559), ou pelo telefone (67) 3316-9161. As crianças que participarem das oficinas receberão certificados. É necessário trazer lanche.

0 visualização0 comentário