• Ana Paula Ostapenko

PREFEITURA REALIZA EM OUTUBRO MAIS UM ENCONTRO COM A MÚSICA CLÁSSICA EM CAMPO GRANDE


A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), e em parceria com a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), promove entre os dias 24 e 27 de outubro, o 14º Encontro com a Música Clássica em Campo Grande. O evento reúne artistas nacionais e estrangeiros juntamente com a Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande, em concertos que terão púbico presente e transmissão on-line.

Os concertos acontecem sempre às 20h (horário de MS), no Teatro Glauce Rocha, na UFMS. A entrada é gratuita e o teatro terá a lotação máxima de 300 pessoas (por ordem de chegada, sendo que após o início dos concertos não será permitida a entrada de público). As apresentações serão transmitidas ao vivo, pelos canais de YouTube da Sectur e TV UFMS.

Neste ano, o festival faz uma homenagem especial ao centenário de nascimento do compositor Argentino Astor Piazzolla, um dos mais importantes nomes na música latino-americana no século XX.

Entre as atrações confirmadas se destaca o violonista Everton Gloeden, ganhador do Grammy Latino no ano de 2011, apresentando obras de J. S. Bach ao violão de 8 cordas. Ele também será o solista do Concerto para Violão e Orquestra de Heitor Villa-Lobos, tocando junto da Sinfônica de Campo Grande. Outra presença confirmada é a do acordeonista argentino Alejandro Brittes, importante difusor do chamamé litorâneo de seu país.

Em cada uma das noites do festival haverá a apresentação de orquestras, grupos e solistas, além da participação de projetos sociais de ensino de música – projetos estes que são uma poderosa ferramenta de transformação social e artística e que merecem seu lugar de reconhecimento em significativos eventos do gênero.

Sobre os concertos

Entre as inúmeras obras primas da música clássica mundial, podemos destacar “As Quatro Estações”, composta por Antonio Vivaldi em meados de 1720. Sua importância é tamanha que, por inúmeras vezes, esta obra foi transcrita e rearranjada para outras formações. Astor Piazzolla (nosso homenageado), baseado nesta obra de Vivaldi, criou suas Quatro Estações Portenhas, obra que também está eternizada na história. Com esta premissa, a direção do Festival convidou dois jovens e talentosos violinistas campo-grandenses, Caio Fortunato e Gleison Ferreira, que prontamente aceitaram o desafio de solar as duas obras, unindo passado e presente, juntamente com a Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande na programação do Festival Encontro com a Música Clássica 2021.

Paralela à programação artística, que envolve os concertos noturnos, acontece no festival a programação didática, que promove o intercâmbio cultural dos estudantes de música de nossa cidade com os artistas convidados. Mais informações da programação completa podem ser encontradas no site https://encontrocomamusicaclassica.blogspot.com

0 visualização0 comentário